Sou ateu… e daí?

Bem vindos ao blog “Sou ateu… e daí?”.

Como post inaugural deste blog, acho que caberia fazer uma breve apresentação de quem vos escreve e o motivo para tal.

Meu nome é Pedro Lemos, moro na cidade do Rio de Janeiro e, obviamente, sou ateu.

Embora hoje em dia eu possa afirmar isso sem sombra de dúvidas, durante minha vida já passei por diferentes estágios de crenças religiosas e espirituais.

Como a maioria dos brasileiros, eu nasci em uma família católica. Embora meus pais não fossem tão praticantes assim do catolicismo, eu cresci no meio desta cultura que nos levava a acreditar que fazer coisas como ir à missa toda semana e rezar para o bem das outras pessoas são coisas boas e desejáveis a se fazer.

Conforme fui crescendo, desenvolvendo minha mentalidade e adquirindo mais conhecimento e experiência, fui pensando mais profundamente a respeito de minhas convicções religiosas. Ao atingir a adolescência e depois de ler a Bíblia de cabo a rabo pelo menos duas vezes, fui percebendo que a maioria das coisas que os religiosos – pregadores e seguidores – diziam não parecia ser posta em prática. E outra parte parecia ser pura invenção e/ou idiotice.

Com o passar dos anos comecei a pesquisar a respeito de outras religiões. Li sobre o Islamismo, Judaísmo, Espiritismo, Hinduísmo e algumas outras. Todas me pareciam padecer do mesmo problema do Catolicismo, se assemelhavam a um sistema criado essencialmente para confortar e controlar as pessoas, fazendo-as se sentirem bem e as levando a agir de determinada maneira, embora não se importassem em explicar o porquê disso.

Por um tempo eu passei a me considerar espírita, pois para mim era a única religião que buscava explicações racionais para seus dogmas e crenças e convidava a refletir sobre eles, enquanto as outras simplesmente impunham sua visão a seus seguidores. Porém, com o tempo fui percebendo que, embora oferecesse alguma argumentação para o que propunha, essas explicações na maioria das vezes não faziam o menor sentido.

Enfim eu comecei a considerar a hipótese do agnosticismo, que posteriormente me levou a me declarar ateu.

Pelo que percebo de minhas horas de navegação entre blogs e fóruns na internet, parece-me que uma grande parte dos internautas têm uma certa facilidade de fazer esta declaração hoje em dia. Não sei se a disseminação de informações e a facilidade de acesso a elas, trazidas pela grande rede, realmente fez com que o número de ateus no Brasil aumentasse, ou se o anonimato proporcionado pela internet faz com que as pessoas sintam-se mais seguras para “saírem do armário” em relação a seu ateísmo, ou, ainda, se isso é apenas uma das modinhas passageiras da internet alimentada por jovens que querem se mostrar rebeldes contestando os valores vigentes, independente de concordarem com o que afirmam ou não… mas enfim, o fato é que hoje em dia muita gente se diz ateísta, mas pouco se discute seriamente sobre o assunto.

Quem somos? No que acreditamos? O que queremos? O que pensam de nós? Há muitas perguntas a serem feitas sobre os ateus, e poucas respostas sendo oferecidas com profundidade. Não que eu tenha aqui a intenção de definir o que é ser um ateu no Brasil, ou ditar o que devemos fazer, mas simplesmente dar o meu ponto de vista sobre o assunto e ajudar a criar um senso de comunidade, fazer com que as pessoas discutam, tragam seu ponto de vista também e, se possível, cheguem a conclusões.

Portanto, são todos bem vindos a postar seus comentários e pensamentos sobre o blog, sejam ateus ou religiosos. A única exigência é que tratem os outros de maneira cordata, insultos não serão aceitos por aqui.

Mais uma vez, bem vindos e vamos aos trabalhos!

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “Sou ateu… e daí?

  1. Florismundo Pereira de Matos

    Deus só existe para políticos corruptos, contraventores, pastores ladrões, que enganam à fé destes miseráveis. Como me arrependo de ter feito a 1ª comunhão. Como eu era inocente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s